PopGlam Gourmet – Queijadinha

Era uma terça-feira à tarde quando eu deixei muita gente com água na boca. O motivo? Postei lá no instagram (@popglam) foto das minhas queijadinhas recém-saídas do forno.

Como prometido, vim compartilhar a receita por aqui e aconselho vocês a fazerem hoje mesmo, porque além de prática e fácil demais de fazer, é uma delícia!

Aliás, a receita é da minha mãe, que faz essas queijadinhas desde que a gente era criança e que continuam fazendo sucesso até hoje. Todo mundo que experimenta quer aprender como faz. Então vamos lá!

 

 

Ingredientes:
2 pacotinhos de côco ralado
1 lata de leite condensado
2 colheres (sopa) de queijo ralado
2 gemas

 

A gente mistura tudo (à mão mesmo) em uma tigela e coloca nas forminhas forradas com as formas de papel. Leva ao forno pré-aquecido por uns 40 minutos, mais ou menos. Quando as queijadinhas estiverem douradinhas, estão prontas!

Que tal fazer pro lanchinho da tarde?

 

PopGlam Gourmet – Panquecas americanas


 

De todas as delícias que o marido costuma preparar na cozinha, a que faz mais sucesso (ao vivo e no instagram) é a panqueca americana, o que é muito justo, porque é mesmo uma maravilha!

Como muita gente vive me pedindo a receita – e eu vivo cobrando a Dieggo – esse final de semana ele filmou o preparo das panquecas, que são super fáceis de fazer e ficam prontas em alguns minutinhos.

 

O resultado foi esse vídeo fofo, pra gente começar a semana na maior doçura <3


 

 

Viram como a receita é prática em todos os sentidos? Os ingredientes são aqueles que todo mundo tem em casa, ó:

 

- 1 xícara de leite

- 1 ovo

- 1 colher (sopa) de açúcar

- 1 colher (sobremesa) de fermento

- 1 colher (chá) de sal

- 1 colher (sobremesa) de essência de baunilha

- 1 xícara e 1/2 de trigo

- 1 colher (chá) de óleo

 

Eu adoro comer com doce de leite e morangos, mas aí vai do gosto do freguês! Também fica muito bom com mel, com nutella ou com pasta de amendoim =)

 

PopGlam Gourmet – Sobremesa Magnum

 

Eu não sei cozinhar. Nunca sequer entendi a alquimia dos temperos e afins. Talvez por isso eu pense que um dos gestos mais genuínos de amor e cuidado que uma pessoa pode demonstrar por outra é alimentá-la. Sem fins lucrativos, sem esperar nada em troca, sem obrigação, só por amor e nada mais.

Outro dia, enquanto eu conversava com a minha comadre sobre o quanto a minha irmã estava triste por ter perdido um amigo querido, ela disparou: “traz ela aqui, vou fazer um bolo de chocolate pra ela”. Achei aquilo tão lindo que foi impossível conter as lágrimas.

 

Aqui em casa, quem manda na cozinha é Dieggo, mas isso não me impede, vez ou outra, de tentar fazer um agrado e preparar ao menos uma sobremesa – única coisa que sei fazer.

Dia desses eu fiz uma receita muito fácil (até uma criança consegue) e o resultado foi tão bom, mas tão bom, que eu quero compartilhar aqui. Sabe o delicioso picolé Magnum? Taí a inspiração!

 

 

Misture uma caixa de leite condensado (1) com uma caixinha de creme de leite (2). Não precisa levar ao fogo, quando o creme estiver homogêneo, coloque em um recipiente (3) e leve ao freezer. O ideal é que o recipiente possua tampa, mas na falta de, vale usar plástico filme. Esse creme deve ficar congelando por várias horas, depois é só acrescentar sobre ele uma camada fininha de doce de leite (4) e levar novamente ao congelador, com tampa.

 

 

Umas três horas depois, pode retirar de lá (5) e acrescentar castanha, amendoim sem sal ou nozes trituradas (6 e 9). Fica ao gosto do freguês. Leve mais uma vez ao congelador, enquanto você derrete 150 gramas de chocolate em banho-maria (7 e 8).

 

 

Assim que derreter o chocolate, você já pode colocá-lo sobre as etapas anteriores (10) e levar novamente ao congelador, dessa vez por pouco tempo, e já pode servir (11 e 12).

 

Fica bom. Fica muito bom! Fica melhor ainda se você servir com uma calda de chocolate quentinha. Deve conter um bilhão de calorias, mas eu garanto: vale a pena!

 

Pra refrescar (e decorar) – água aromatizada


 

Não sei como está o clima por aí, mas pelas bandas de cá, o calor tá tão grande que toda hora vem aquele desejo de tomar um suquinho gelado, ou um refrigerante no capricho! Pena que nem toda hora a gente tem acesso ao suco, e aí tenta se segurar pra não atacar o refrigerante durante a semana, né?

Então que tal experimentar a água aromatizada? Ela tem um quê de refri com o sabor das frutas. É saudável, refrescante e bonita demais de se ver!

 

 

Ó como é fácil fazer: você escolhe a fruta (pode ser mais de uma) e corta em rodelas – ou pica em cubinhos, se for o caso – e separa uma jarra bonita. Primeiro, coloca vários cubinhos de gelo no fundo da jarra. Depois adiciona as frutas e algumas folhinhas de hortelã, pra refrescar. Daí é só colocar 500ml de água com gás + 500 ml de água sem gás.

 

 

Você pode diminuir ou aumentar a quantidade de água, é só manter a proporção. Dá pra usar em festas, como uma opção pra quem não bebe refrigerante, com a vantagem de ter vários sabores diferentes.

 

 

Experimenta usar também em almoços especiais na sua casa. Imagina que linda uma mesa decorada com essas jarras! Uma ideia simples, baratinha e que certamente vai fazer o maior sucesso entre os convidados.

 

A noite do saquê


 

Imagina um convite pra tomar saquê em plena noite de uma segunda-feira cansativa? Seria fácil recusar, não fosse o local: o Yohei Sushi. Quem é de Caruaru já conhece a qualidade dos serviços da equipe do Yohei, seja porque já visitou o espaço – que fica na praça de alimentação do Shopping Difusora – ou porque já ouviu elogios de amigos que frequentam o restaurante. Eu não aprecio a culinária oriental, não como frutos do mar mas, ainda assim, tinha certeza de que não iria me decepcionar.

Já tinha lido centenas de comentários positivos no facebook e ao chegar lá, fiquei encantada! Com o atendimento, a simpatia da equipe, a qualidade dos pratos – sim, fui convencida (ainda bem) a provar os pastéis fritos e comi o melhor Yakisoba da minha vida. Sério, gente! Vão lá, experimentem e sejam eternamente gratos a mim por essa dica!

 

 

Ao contrário de mim, Dieggo adora todo e qualquer fruto do mar, e já experimentou muita coisa nessa vida, mas também foi surpreendido pela qualidade do Yohei. Escrevo esse post com água na boca, pensando no tal yakisoba delícia! Ah, e o saquê? Apesar de ter uma garrafa em casa, eu nunca tinha experimentado, mas adorei porque é bem suave e deixa a gente bem alegrinha :) Taí um jeito bom de farrear com os amigos: em um happy hour regado a saquê e comida de ótima qualidade. Com preço muito justo, inclusive!

Gostei tanto do espaço que é bem provável que a gente se esbarre por lá qualquer dia desses, e brindaremos o encontro com saquê, que tal?

=D

 

Parabéns a toda a equipe pelo cuidado, carinho e respeito aos clientes. Brigada pelo convite, foi a segunda-feira mais legal dos últimos tempos:)