Tá na mão: esmalte em spray

A Nails Inc. lançou esses dias o Paint Can, um esmalte em spray. Não bastasse a ideia ser ousada, a proposta é carregada de praticidade: após borrifar o spray sobre as unhas, basta esperar secar e lavar as mãos pra que todo o excesso de esmalte vá embora. Não é fantástico?

 

 

Cada latinha custa, em média, R$ 50 e a parte ruim é que a marca não é comercializada no Brasil. Além disso, a durabilidade do esmalte não é lá das melhores (cerca de quatro dias), mas a praticidade e inovação do produto são grandes atrativos. Ele já ganhou o título de “manicure mais rápida do mundo” e a ideia de ter as unhas esmaltadas em apenas 20 segundos parece mesmo fantástica, ótima pra situações de emergência!

Vamos torcer pra que a novidade inspire marcas nacionais!

 

Adeus, cutículas!

Sempre que falo sobre a minha independência da manicure – graças ao fato de eu não tirar as minhas cutículas – muita gente fica curiosa e quer saber mais sobre o assunto.

Eu decidi me livrar do alicate há alguns anos, por indicação da dermatologista. Até então, eu fazia as unhas semanalmente no salão, mas aí comecei a usar diariamente o Mira Cuticle, da Avon, e as cutículas foram diminuindo de forma gradativa.

 

 

Depois conheci a Cera Nutritiva da Granado e incluí na minha rotina de cuidados. Carrego a cerinha na bolsa e tento usar uma vez por dia. Já o Mira Cuticle fica ao lado da minha cama, e eu aplico todas as noites, antes de dormir.

No início a gente usa em noites alternadas (o produto possui ácido lático e existe a recomendação de não se expor ao sol durante o uso), mas após a primeira semana o uso diário já é indicado.

Hoje em dia eu recorro ao alicate eventualmente, quando algum pedacinho de pele intrometida aparece ao redor da unha, por exemplo.

Ambos os produtos, além de muito bons, possuem preço acessível e duram muito, muito mesmo! A Avon já chegou a tirar o Mira Cuticle de circulação (custa cerca de R$ 5) mas as amantes do produto fizeram tanto barulho nas redes sociais, que ele voltou a aparecer no catálogo da marca. Ainda bem!

 

E aí, vai passar em branco?

Branco ilumina, rejuvenesce, traz leveza e frescor ao look. Como vem acontecendo nos últimos anos, o branco é uma das maiores apostas pro próximo verão. Dentre as diversas opções de peças no vestuário, duas em especial têm chamado a minha atenção.

 

 

O blazer branco nem é novidade, a gente já falou dele por aqui, lembram? Mas não custa nada reforçar o desejo de quem ainda não apostou na peça (eu já garanti o meu!). Olha que coisa mais linda, mais cheia de graça, de frescor e elegância é uma produção com o blazer, principalmente quando a modelagem é mais ampla, tipo boyfriend. Que amor!

 

 

Outra peça que também é aposta das fashionistas pra próxima estação é a polêmica calça branca. “Será que não ficou muito justa? Não tá transparente? Não vai me deixar gorda? E se eu ficar parecendo uma plantonista?” Essas – e várias outras perguntas – surgem quando a gente tá sozinha no provador, com um espelho na frente e um monte de dúvidas na cabeça.

 

 

Mas repara só como dá pra montar composições bacanas com a peça, que, na minha opinião, fica ótima na companhia de outras peças em tons neutros.

 

 

Vale apostar também no look total white e caprichar nos acessórios, sejam prateados ou dourados.

 

 

Pra finalizar o post com mais polêmica, vocês já devem ter lido em vários blogs sobre a tal tendência do esmalte branco, né? Há quem diga que ele veio pra ficar, viu? Eu – que não era adepta nem na época da escola, quando as meninas passavam corretivo nas unhas – continuo não simpatizando com a ideia.

Mas e aí, alguém se anima?

 

Esmalte de novela

 

Esse post foi sugerido pela Nádia, leitora querida (e super participativa) do blog.

A gente já falou por aqui dos looks da Donelô, a delegada fashionista do horário nobre, que tá fazendo o maior sucesso. Mas nem só de looks é feita a composição de um personagem, e os esmaltes usados pela Giovanna Antonelli também despertam desejo.

Atualmente ela tem usado a cor saudade, da Hits Specialittá – coleção Gio Antonelli. #espertinha

 

 

O tom é lindo (um burgundy, hit do inverno), e super sofisticado. Só há um probleminha: além de não ser fácil encontrar o esmalte por aqui, cada vidrinho custa R$ 14,50. Meio salgadinho pra um esmalte, né?

É aí que entra a Nádia. Munida de um consumismo investigativo invejável, a danada descobriu o irmão gêmeo do esmalte, que custa pouco mais de R$ 2 e tem pra vender em qualquer perfumaria. Anota aí: a cor é Magma, da marca Jade.

Graças a Nádia, todo mundo pode copiar o esmalte da Donelô! Thanks, xuxu!

 

Dica pra o esmalte durar uma vida (ou quase!)

 

Perdoem o exagero do título, mas eu não resisto a possibilidade de fazer um drama (quem resiste?), principalmente quando a descoberta é das boas!

Sabe quando a gente aplica um esmalte lindo de tudo, as unhas ficam com uma cor e brilho incríveis, mas aí dois dias depois as danadas já estão destacadas? E quando isso acontece no meio de uma viagem e a gente se vê obrigada a tirar tudo e ficar com as unhas peladas?

 

Pois presta atenção na dica que você vai levar pra vida: experimenta colocar cinco gotinhas de cola pra unhas postiças (o tubinho custa cerca de R$ 10) num vidrinho de esmalte extra-brilho. Não importa a marca, você compra o top coat e turbina com a cola. Agita um bocado pra misturar bem e pronto! Lembra de passar uma camadinha sobre as unhas esmaltadas (e de agitar sempre antes de usar) e você vai ver o esmalte durar muuito mais.