O carnaval da Circorama

 

A Circorama – marca caruaruense que tem uma identidade muito fofa – está de casa nova e, pra comemorar essa mudança, as meninas lançaram uma coleção especial de carnaval. São vários peças e acessórios pra gente cair na folia com o maior estilo, tudo muito lindo!

 

 

Além disso, o espaço novo está recheado de moda, decoração, arte e coisas bonitas para enfeitar a vida. Tudo com a cara da marca!

Anota aí o endereço e corre lá pra conferir:

 

Rua Frei Caneca, Edifício Sebastião Luna, 116, sala 3B – térreo.

(Ali pertinho da estação Ferroviária)

 

DIY: Garrafas customizadas

Essa dica é tão simples que nem merece tutorial, é do tipo olhar e reproduzir, mas achei que a ideia merecia ser compartilhada como forma de inspiração. Vai que você nunca olhou com carinho pras garrafas de refrigerante e viu nelas – além de uma fonte de calorias – uma opção legal pra guardar pulseiras?
 
Eu comentei por aqui, outro dia, que tava animada pra fazer umas pulseirinhas, né? No final de semana passado coloquei a ideia em prática e ganhei vários acessórios novos. Depois de prontas, fiquei imaginando um jeito de guardar as pulseiras de forma organizada, mas sem deixá-las escondidas, já que é comum a gente usar com mais frequência as coisas que estão ao alcance dos olhos.

 

 

Lembrei de duas garrafas de coca-cola que eu havia guardado pra uma futura customização e veio a ideia de pintá-las com spray dourado. Eu já tinha um tubinho na cor “ouro” em casa – que, aliás, é infinitamente mais bonita que o “dourado”, vale salientar – então foi jogo rápido: duas camadas de spray, com um intervalinho de meia hora entre uma e outra, e as garrafinhas ficaram lindas!

 

As minhas novas pulseiras estão organizadas, expostas e decorando o ambiente. Uma graça! Adorei o resultado e não vou parar por aí, já tenho várias ideias do que fazer com as próximas garrafinhas e prometo ir compartilhando tudo no instagram – @popglam – então segue lá e fica de olho!

 

Era uma vez uma moça que nunca usava relógios…

…Até que ela passou a ver um certo charme nos pulsos enfeitados com um toque retrô e essa história começou a mudar.

 

 

Quem me conhece sabe que no sé preparar café y jamás uso reloj. (E sou fãzona da Shakira!).

Existe algo entre o tamanho da minha mão e a largura do meu pulso – desproporcionalmente falando – que sempre me impediu de enfeitar esse espaço. E aí você deve achar estranho, e se perguntar: com tantas outras coisas pra me incomodar nessa vida, eu fui cismar com esse pequeno detalhe? É. Fui.

Adoro anéis, mas sempre evitei pulseiras, relógios e braceletes. Até o dia em que esbarrei em uma imagem no instagram onde uma moça usava um mix de pulseiras e um modelo vintage do relógio Casio. Não sei se foi a forma como ela combinou tudo (inclusive o esmalte) ou se foi qualquer outra coisa oculta naquela imagem que me chamou a atenção, mas a verdade é que desde então eu passei a simpatizar com o tal reloginho!

 

 

Desse dia em diante, ele começou a me perseguir e, onde quer que eu olhe, volta e meia me deparo com uma combinação pra lá de interessante entre o tal relógio e vários outros acessórios. Fiquei contente ao ler esses dias que a peça é o it-acessório da temporada. Coincidência ou não, resolvi experimentar!

 

 

Comprei um relógio e tenho pensado em alguns modelos de pulseiras do meu agrado. Quero muito dar um pulo em uma loja de montagem de bijuterias e comprar dezenas de materiais pra fazer minhas próprias pulseiras e braceletes. Se ficarem legais, mostro tudo por aqui depois!

Vejamos se eu consigo aderir à tendência ou se seguirei fiel à letra de inevitable :)

 

Glamour na cabeça

 

Primeiro foram os moletons, depois os tênis. Agora é a vez do boné ser escalado como acessório fashion.

Eu confesso que estranhei um pouco no início, talvez por não me identificar muito com o estilo esportivo. Mas, como é comum acontecer, bastou um tempo pra que eu visse a tendência com outros olhos, fosse capaz de absorver a ideia e incorporar o acessório ao meu estilo.

Sei exatamente quando isso aconteceu: foi só bater os olhos nos bonés desfilados na passarela da TNG, cheios de aplicações, materiais nobres e muito, muito glamour!

 

 

Acho o máximo a ideia de customizar o boné – vou providenciar o meu em breve – com pedrarias, aplicações, correntes e o que mais der vontade. Também adoro as opções estampadas, cheias de cor e bem femininas. Pra mim, o melhor jeito de usar o acessório é chamando toda a atenção pra ele, em produções mais básicas, como o velho combo jeans + camiseta.

 

 

Eu sei que nem todo mundo curte a ideia, mas pensa comigo: é uma ótima opção pra fugir do óbvio e deixar o look mais interessante, além de proteger os fios do sol e ajudar a gente nos dias em que o cabelo acorda mal-humorado :)

 

DIY: Camiseta customizada

No último look que eu postei aqui (tá logo aí embaixo) falei que tinha customizado a camiseta masculina porque, assim que provei, senti que faltava um borogodó.

Quando eu cheguei em casa, lembrei desse colar que eu comprei há séculos e raramente uso. Ele é muito levinho, então não para quieto no pescoço, sabe? Ficava sempre torto ou virava ao contrário, então decidi dar um destino pra ele e deixar a camiseta mais glamourosa!

 

 

Tirei as correntes e deixei apenas os elos nas duas pontas. Coisa rápida, nem precisei de um alicate pra fazer isso. Costurei o elo de um dos lados da gola e dei um pontinho em cada um desses intervalos entre as pedras, pra deixar o colar bem preso. Arrematei prendendo o elo da outra ponta e só! A camiseta ganhou outra cara e agora eu posso me mexer à vontade, sem me preocupar se o colar tá no lugar e sem sofrimento em dias muito quentes, quando a corrente geralmente incomoda na nuca.

 

Essa é fácil até pra quem não leva o menor jeito, né? Aproveita e dá um pulo nessas lojas de bijus baratinhas (eu paguei R$ 10 nesse colar) em busca de alternativas pra deixar as suas camisetas mais chiques!