Um verão Azul Elétrico

Uma das características mais fortes da Azul Elétrico – loja super charmosa de roupas, calçados e acessórios que funciona lá na Casa Branca – é o alto astral impresso em cada peça.

Tudo lá é vibrante, colorido, lindo e cheio de personalidade. Pra reafirmar a identidade da loja, a coleção de verão foi lançada na última sexta, propondo um estilo descomplicado, confortável e desapegado de padrões.

 

 

Além de acessórios exclusivos, a loja está recheada de itens garimpados com todo cuidado por Camila Pessoa, publicitária e empresária que está à frente da Azul Elétrico.

Por lá a gente encontra marcas como D.uas Design, com muita geometria e cor e Camisaria Teresa, com saias e vestidos longos, ideais para quem gosta de peças soltas e com muita estampa.

 

Outra marca parceira é a Ahaze, que chega com leveza e muito colorido. A novidade para o lançamento é a parceria entre Azul Elétrico e Malum, que traz uma linha de camisetas com estampas geométricas.

 

 

E já que verão pede praia e piscina, os biquínis da estilista pernambucana, Caroll Falcão, também tem lugar garantido nas araras da loja. Os modelos são conhecidos por trazer muito colorido nas estampas, além de memórias de infância e de viagens feitas pela estilista.

 

Me diz se não dá vontade de correr na loja e ver tudo isso de pertinho?

 

Menos é mais

Quando o assunto é acessórios, duas paixões dividem o meu coração atualmente: o mix de pulseiras (tô amando, gente!) e os acessórios mais delicados, que não necessariamente são joias. Se bem que, quando são, o amor é maior, né? =)

 

 

É incrível como pode haver beleza em pontos tão contrastantes, seja num pulso recheado de informações ou na singularidade de um anel no dedo médio.

Também acho linda a delicadeza de uma pulseirinha solitária, um toque feminino e, embora discreto, muito encantador.

 

Eu raramente invisto em brincos (tenho alergia e uso quase sempre os mesmos), mas tenho passeado muito entre pulseiras, colares e anéis, sejam no estilo minimal ou fashionista.

 

Achado da semana: mini cúpula

 

Dia desses fui comprar umas coisas numa loja de decoração no centro da cidade e encontrei essa mini cúpula de vidro. Pequenininha – deve medir cerca de oito centímetros – achei que seria ideal pra usar sobre a penteadeira, como porta-joias, embora ela esteja descrita como mini fruteira (?).

 

 

Assim que chegou em casa, ela passou a abrigar meu colar que traz o Chanelzinho (presente que uma amiga trouxe de Paris) como pingente. Sim, ele é fofo demais pra ficar escondido em uma caixinha!

A ideia vale pra abrigar um anel com um significado importante, aquele par de brincos que a gente adora ou qualquer outra coisa que mereça ser guardada com carinho.

 

 

O material é bem resistente e custou pouco menos de R$ 10. Também fica uma graça pra usar na decoração de festas, com botões de rosa ou outro tipo de flor, né?

 

DIY: Colarzinhos com personalidade

Minhas letras preferidas no mundo: D.I.Y. <3 Desde que me entendo por gente, não resisto a um tutorial, e poucas coisas prendem tanto a minha atenção quanto qualquer objeto/acessório/coisa proveniente do “faça você mesmo”.

Eu vivo alimentando uma pastinha de ideias no computador, mas me falta tempo pra realizar tantos projetos e, infelizmente, algumas dessas ideias se perdem no meio do caminho. Então vou passar a dividí-las por aqui com mais frequência, pois ainda que elas não se tornem reais pra mim, podem ser um exercício delicioso pra quem tá aí do outro lado! Tudo com nível de execução bem facinho, ó:

 

 

Como eu ando toda apaixonada por bijus delicadinhas, vou começar por esses colares fofos. Todos eles são bem charmosos e de baixo custo (ótima opção pra presentear as amigas, hein?). Os três tutorias estão em inglês, mas as imagens já falam por si, e sempre tem o tradutor do Google pra salvar a gente de qualquer aperto =)

 

O primeiro é esse colar das galáxias, que pode ser feito em poucos minutinhos, e inspira várias outras ideias e acabamentos.

Eu me animei de verdade pra fazer esse colar com pingente de prisma, até corri pra comprar o material, mas tava em falta =( Agora vou ficar de olho toda vez que eu for na loja, porque achei muito legal, inclusive acho que fica incrível com o triângulo maiorzinho, em dourado.

Esse colar de lacinho é tipo “nhóiiiiim” <3 Coisa mais fofa, gente! E é tão fácil de fazer que dá vontade de ter um de cada cor!

 

Caso vocês se animem e coloquem em prática algum desses tutoriais, me mostrem, plis? Podem me marcar lá no instagram, facebook ou mandar e-mail. Adoro quando vocês fazem isso, fico toda boba!

 

Casa Branca – Inauguração

No último sábado aconteceu a inauguração da Casa Branca, um espaço que reúne decoração, moda, arquitetura e café.

A proposta da empreitada era taaaaão interessante que eu fiquei super animada pra ver tudo de pertinho! Quando eu cheguei lá, no comecinho da noite, meus olhos ficaram encantados com tanta coisa linda que eu nem sabia onde focar, hahahahahahaha:)

 

 

A Mi Casa, Su Casa arrasou na escolha das peças de decoração. A impressão que eu tive é que cada um dos objetos foi escolhido a dedo, com o maior carinho e cuidado, sabe? Amei os espelhos com moldura em veludo (coisa rica!), as almofadas com estampas fofas, os itens de cozinha, tudo lindo, gente! Infinitas possibilidades pra presentear até quem já tem tudo nessa vida!

O cantinho com as roupas e acessórios da Azul Elétrico é outra lindeza! Apaixonei por uma blusa e foi só dar uma volta no espaço que a danada já não estava mais lá, então imagina o quanto tudo é lindo, concorrido e exclusivo!

 

 

Tem também a Oca Arquitetura e o Café no Quintal, pra complementar essa energia tão boa e fazer com que a gente se sinta abraçado em cada lugarzinho da Casa Branca <3 Um dos lugares com a energia mais incrível que eu já visitei!

 

Pra conhecer o espaço e se encantar também, é só seguir as meninas aqui e aqui.