Guia fashion para emergências

Semana passada tomei um susto: fui informada, as 18h, de que deveria estar presente numa reunião as 19h. A reunião era importante, com pessoas importantes (e que eu não conhecia até então), eu tava enrolada no meio de um projeto e teria uma horinha pra correr em casa, ficar pronta e chegar ao local na hora marcada. A pessoa que deveria dar o recado com (bastante) antecedência, esqueceu!

Eu consegui estar pronta – e apresentável – graças a alguns hábitos que carrego e que merecem ser compartilhados. É quase um mini-guia que deixa a gente preparada pra situações de emergência, seja correr no shopping pra comprar um presente, levar uma amiga ao hospital ou ir uma reunião de negócios. A primeira impressão é sempre a que fica, e vai saber quem a gente vai encontrar numa dessas eventualidades, ou que oportunidades vão surgir diante de nós?

 

 

Primeira regra: tenha um look curinga. Se for peça única (vestido ou macacão) é ainda melhor. Além da prático, ele deve ser clássico, assim se adequa a qualquer ocasião. E a gente tem a opção de incrementar com acessórios, pra dar uma variada. Deixe a peça separadinha em um cabide e você vai correr pra ela assim que surgir a emergência!

 

 

Ninguém é obrigada a estar sempre com as unhas impecáveis, mas não há pecado maior do que esmalte destacado, gente! Se o esmalte destacou, tira tudo das unhas! Se não deu pra ir à manicure, mantenha as unhas bem aparadas e com uma camada de base incolor. É bem melhor ter as unhas sem cor alguma do que manter um esmalte gasto.

 

 

Maquiagem é tudo! Por isso a importância de ter um kit básico ao alcance das mãos. Base, corretivo, pó, blush, rímel e um batonzinho podem mudar a vida da gente!

 

 

Os coques são uma maravilha, porque podem socorrer a gente num bad hair day de um jeito muito charmoso. Sem contar os estilos que a gente consegue (formal, bagunçadinho, romântico, moderno) apenas enrolando os fios de jeitos diferentes.

 

São dicas muito, muito simples, mas que fazem uma diferença danada nos momentos de desespero! Vale criar o seu próprio guia e adaptá-lo às mais diversas situações: guia pra balada, guia pra um dia de compras, guia pra viagens. Já imaginou que legal?

 

8 Responses to “Guia fashion para emergências”

  1. Natalia Moraes disse:

    Bom, a parte de manter em dia as unhas eu já sigo! Falta ter em mente o resto! Acho uó me arrumar nas carreiras, hahahahahaha
    Adorei as dicas!
    <3

  2. Paloma Farias disse:

    Gostaria muito de ter “dotes” para fazer coques, acho tão lindo tão chique, mais a coordenação das minhas mãos não ajuda kkkk aff

  3. Nádia disse:

    Eu ainda não tenho nenhum macacão.
    Achei super coringa esse preto aí de cima.

  4. Carol disse:

    Lenyssa,
    Ameeei esse macacão!
    Sabes me indicar um tecido que daria um bom caimento assim?
    Beijo =*

    • Lenyssa Nunes disse:

      Oi, Carol!
      Esse da foto é de tafetá, mas acho que só rola pra usar a noite, pela textura.
      Você pode fazer com um crepe ou cetim mais encorpado.
      Eu comprei um tecido importado, mas não lembro o nome.
      Levando a imagem na loja de tecidos as vendedoras te ajudam a encontrar!
      Beijo e boa sorte!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>