Vou ali e já volto!

 

Nem acredito que, no meio dessa correria toda, vou conseguir ter uns dias de folga! Vocês não imaginam os malabarismos que a gente fez por aqui, pra conseguir deixar tudo okay e permitir que o universo continue em equilíbrio enquanto a gente estiver fora, hahahahahahahaha :)

Essa última semana foi tão louca, que eu descostumei a ter um tempo livre na vida! Cada minuto tem sido tão milimetricamente calculado – e preenchido – que eu chego a estranhar a ideia de passar dias passeando por aí. Mas tô tão empolgada, gente!

Primeiro porque vou viajar pra um lugar que amo, depois porque vou viver uma experiência diferente de ficar num hotel e turistar (dessa vez a gente alugou um apartamento e eu quero viver a cidade!) e, pra tornar a viagem ainda mais especial, tô levando a minha irmã comigo, então a saudade da família não vai apertar tanto, como sempre acontece quando eu preciso ficar fora por uns dias.

 

Eu embarco daqui a pouco, e volto pra casa na próxima semana. Enquanto isso, o instagram – @popglam – vai funcionar como uma extensão do blog. Vejo vocês por lá!

 

Até a volta!

 

Todo mundo de culottes

Não, não falo daquelas gordurinhas indesejáveis adquiridas após a feliz ingestão de muito sorvete e coca-cola. O assunto aqui é a tal calça que virou febre na gringa e já começou a dar o ar da graça por aqui. Enquanto eu decido se aposto ou não nessa tendência, vamos analisar as imagens que ilustram esse post!

 

 

Como vocês ja devem ter percebido, a culotte é uma calça larga, uma espécie de pantalona mais curtinha, que fica abaixo dos joelhos ou mais pertinho do tornozelo. Acho que podemos encarar como “a versão calça da saia midi”. Portanto, antes de torcerem os narizinhos, vale lembrar o quanto a midi causou estranheza na sua chegada, né?

 

 

Eu AMEI o look da moça que abre o post, usaria numa boa, porque achei simples, sofisticado e muito, muito elegante! Não dá pra ver na foto, mas ela tá usando um sapatinho baixo, e esta seria a minha única mudança: trocaria por um salto, porque acho que fica muito mais chique!

 

 

Pra mim, a culotte é uma peça que deve ser usada sem exageros: menos é mais. Quanto mais simples forem as outras peças do look, mais interessante será o resultado final. Nada de sandálias pesadas ou blusas com volume. Ela vai super bem com uma regata básica ou um cropped.

 

E o tanto que são lindas as versões em couro sintético?

 

Se querem saber, eu acho que essa moda pega, sim! Com o calorão que tá pra chegar, nada melhor do que uma peça soltinha, com modelagem ampla e muito interessante, pra arrancar a gente da zona de conforto e nos jogar direto no ranking dos looks mais descolados da estação =)

 

Glamour na cabeça

 

Primeiro foram os moletons, depois os tênis. Agora é a vez do boné ser escalado como acessório fashion.

Eu confesso que estranhei um pouco no início, talvez por não me identificar muito com o estilo esportivo. Mas, como é comum acontecer, bastou um tempo pra que eu visse a tendência com outros olhos, fosse capaz de absorver a ideia e incorporar o acessório ao meu estilo.

Sei exatamente quando isso aconteceu: foi só bater os olhos nos bonés desfilados na passarela da TNG, cheios de aplicações, materiais nobres e muito, muito glamour!

 

 

Acho o máximo a ideia de customizar o boné – vou providenciar o meu em breve – com pedrarias, aplicações, correntes e o que mais der vontade. Também adoro as opções estampadas, cheias de cor e bem femininas. Pra mim, o melhor jeito de usar o acessório é chamando toda a atenção pra ele, em produções mais básicas, como o velho combo jeans + camiseta.

 

 

Eu sei que nem todo mundo curte a ideia, mas pensa comigo: é uma ótima opção pra fugir do óbvio e deixar o look mais interessante, além de proteger os fios do sol e ajudar a gente nos dias em que o cabelo acorda mal-humorado :)

 

Retratos da semana

Faz tempo que falta tempo pelas bandas de cá, mas essa última semana, em especial, foi tão corrida que eu tive a impressão de ter dado um cochilo na segunda e despertado quando já era sexta-feira.

Eu tenho andado muito cansada ultimamente, mas sabe um cansaço feliz? Estou cansada por viver muitas coisas, por realizar tantas outras, por ver o meu trabalho rendendo bons frutos, e não seria justo reclamar de nada disso.

Ando tão cheia de mim, dos meus planos e realizações, que não sobra espaço pra quase nada. Esse tem sido o inferno astral mais legal da minha vida!

 

 

Mas além do excesso de trabalho, felicidade e inferno astral (não me perguntem como essas palavras podem coabitar tão bem em uma mesma frase) a semana teve outras coisas boas.

Teve o início da leitura de um livro que eu ando saboreando vagarosamente, não só pela falta de tempo, mas também pelo medo de ver as páginas escapando entre os meus dedos até que chegue a última folha.

Teve sorvete: no início, no meio e no fim da semana. Mais um motivo pelo qual eu amo as estações ensolaradas!

Teve até presente do dia das crianças, em um gesto lindo da família com a qual eu não compartilho do mesmo sangue, mas com quem tenho dividido um carinho muito especial e genuíno. Sabe gente que abraça a gente com o coração?

 

Essa semana foi linda por uma série de motivos, alguns até difíceis de explicar, sobretudo a essa hora da noite, quando tudo que a gente quer é um longo banho quente seguido do cheirinho dos lençóis recém-lavados. Mas eu prometo continuar essa conversa em breve, tem tanta coisa que eu quero falar pra vocês!

 

Blogueiras unidas contra o câncer de mama

 

Outubro é o meu mês preferido do ano. Não só porque faço aniversário, mas principalmente por ver o mundo cor-de-rosa, em prol de uma causa muito justa: a prevenção do câncer de mama.

É muito triste saber que esse é o segundo tipo de câncer que mais mata no mundo (provavelmente porque a doença é diagnosticada em estágios avançados) e que, a cada 40 minutos, uma mulher passa por uma mastectomia no Brasil.

De cortar o coração essa estatística, hein?

 

Pra tentar mudar essa triste realidade, eu aceitei o convite da Satina nesse projeto: uma ação social que conta com o apoio oficial do Instituto Brasileiro de Controle do Câncer (IBCC).

Além de divulgar a importância do autoexame, o projeto inclui a doação de sutiãs de pós-mastectomia para mulheres que não têm condições financeiras para reconstituir as mamas ou comprar um sutiã desses para utilizar com próteses.

A cada blogueira que apoia a ação, exibindo o selo no blog, a Satina doará um sutiã de pós-mastectomia ao IBCC.

Convido todas as bloggers amigas a se juntarem a nós, e deixo um recado pras moças que passam por aqui:  façam o autoexame, ajudem a divulgar a causa e, caso tenham interesse, façam doações diretamente ao IBCC.

Pra quem se interessar pelo projeto, todas as informações estão aqui.

 

A prevenção é MUITO importante, meninas! Cuidem-se e convoquem as amigas à fazer o mesmo. Vamos, juntas, mudar essas estatísticas!