Retratos da Semana


 

Comecei a última semana visitando o dono desse pezinho (tem coisa mais gostosa do que pé de neném?), e só saí de lá depois que ele foi vencido pelo sono :)

Aproveitei uma folguinha entre um compromisso e outro pra visitar um dos meus lugares preferidos no mundo: loja de tecidos! Até comentei no instagram (@popglam) que me sinto como criança em loja de brinquedos, sem saber por onde começar, sabe? De lá, foi a vez de visitar a costureira, outra alegria!

Na quarta eu fiz uma pequena cirurgia pra retirada dos terceiros molares (que estavam inclusos) e o milk shake passou a ser a minha principal refeição. Parece o máximo, né? Mas não é! Na hora da fome, a gente quer mesmo é mastigar uma coisinha, de preferência salgada. Vocês devem saber que a recuperação é meio chatinha, o que inclui alguns dias sem falar e mastigar, além de repouso absoluto. A parte mais chata é só poder voltar a academia em 15 dias. Desse jeito vou acabar perdendo o pique =/

 

 

Cês devem ter acompanhado nas redes sociais que postei sobre um evento que vai acontecer aqui no próximo mês: o Encontro da Moda&Estilo, promovido pelo Polo de Confecções. Vou participar do evento com a Camila Coutinho, do GE. Amanhã conto tudo em detalhes, ok?

Como eu fiquei de molho durante o final de semana, minha principal atividade foi passear na internet e ver TV. Delícia dar a sorte de rever a história de Coco Chanel, em uma maratona de três horas e meia de filme!

 

Eu uso: oncinha

O maior barato do animal print é que a gente não precisa de muito esforço pra ficar arrumadinha. Basta lançar mão da estampa pra deixar qualquer produção mais interessante – mesmo as mais básicas – naqueles dias em que tudo o que a gente quer é usar uma roupa bem confortável.

Essa calça já tá no meu armário há um tempão, e foi a primeira vez que usei. Gostei tanto da modelagem que já quero experimentar outros looks com ela: com camisa, com pink (amo oncinha com pink!), com saltão… Ou seja, ela ainda deve aparecer um bocado por aqui!

 

 

 

 

 

Blusa: Marisa
Calça: Costureira
Colar: Hypnose
Sapatilha: C&A
 
 

Pra investir: maxi colete

Eu nunca vou cansar de falar no quanto é legal incluir uma terceira peça no look, mas sei que no verão fica mais difícil usar esse truque de estilo, já que uma camada a mais de roupa pode parecer uma tortura em dias muito quentes.

Mas e se a gente usar uma peça bem levinha, em um tom clarinho (ou cheio de cor!) pra deixar a produção mais interessante, sem ter que sofrer com as altas temperaturas?

 

 

Basta dar uma volta rápida pelos blogs de algumas fashionistas pra comprovar: uma peça que promete fazer muito sucesso daqui pra frente é o maxi colete. E o melhor: é uma tendência que a gente pode levar pra vida inteira!

Digo isso porque tenho um modelinho na cor preta (muuuuito parecido com esse da terceira imagem), que comprei há séculos e usei até enjoar do bichinho. Ou seja, não é o tipo de peça que vem com prazo de validade fashion.

A versão que mais tenho visto por aí é essa na cor branca – tãããão verão, né? – que fica lindo se combinado com tons alegres, neutros ou estampados. Um verdadeiro coringa!

 

O tal babyliss mágico

Adoro usar o cabelo ondulado, mas confesso que não sou muito expert no babyliss. Já tentei fazer os cachos com chapinha (tem gente que consegue um resultado lindo), mas não levei o menor jeito.
Por isso fiquei tão animada quando a marca Babyliss Pro lançou o Mira Curl, mas só até descobrir o preço: cerca de R$ 850, convertendo pra nossa moeda, já que ele não é vendido em terras tupiniquins.

 

 

Provavelmente vocês já ouviram falar do aparelhinho (até porque tô bem atrasada com esse post), que funciona basicamente assim: a gente coloca uma mechinha do cabelo lá dentro, ele engole a mecha por alguns segundos e devolve um cachinho lindo! Quase mágica, né?

No começo eu demorei a acreditar que ele funcionava, até ler alguns posts em vários blogs e ver uns vídeos no youtube. E no meio dessa pesquisa eu acabei descobrindo uma coisa muito bacana: a Conair lançou a sua versão do produto (esse aí da foto) com um precinho bem mais acessível, cerca de R$ 300.

 

 

Infelizmente, nenhum deles é vendido no Brasil ainda – mas acho que por pouco tempo – então vale anotar na wishlist das compras de viagem, pedir pra amiga que tá fora ou comprar online.

O aparelho oferece três opções de cachos (do menorzinho ao maior, mais aberto) e age super rápido. Quem já usou garante que o resultado é muito bom e dura o dia inteiro!